PROGRAMAÇÃO DAS ATIVIDADES DE 24/3

23/03/2018

AULAS:

 

-DIREITO DO ESTADO

Módulo: Direito Constitucional – Sala 203

Tema: " Jurisdição Constitucional e o controle o controle concentrado de constitucionalidade no Brasil"

Professor: Fernando de Brito Alves

http://lattes.cnpq.br/1975997868167667

material no site

 

-DIREITO CIVIL E PROCESSO CIVIL

Módulo: Processo Civil – Sala 204

Tema: " Recursos nos Tribunais Superiores (STF e STJ)"

Professor: Luis Henrique Barbante Franzé

http://lattes.cnpq.br/8622221415408430

material no site

 

-DIREITO DO TRABALHO E PREVIDENCIÁRIO

Módulo: Direito do Trabalho – Sala 205

Tema: " Alteração, interrupção, suspensão do contrato de trabalho"

Professora Ana Paula Sefrin Saladini

http://lattes.cnpq.br/7753263103346992

material no site

 

LANCHES- Salas 201 e 202

 

BANCAS DE DEFESA DE MONOGRAFIA – Sala 218

08:30 - Reinaldo Antonio Andrade de Oliveira– “Responsabilidade civil nos direitos de liberdade de expressão e informação e os direitos da personalidade”.

09:00 - Camila da Silva Medalha Santos– “A participação da mulher na política brasileira”.

09:30 - Fausto Luis Furtado da Rosa– “Estado de Coisas Inconstitucional e sua inclusão no cenário jurídico brasileiro”.

10:00 - Gustavo Kremer Romualdo– “O erro judiciário e a responsabilidade civil do magistrado”.

10:30 - Lucas Miguel Lalier– “O poder judiciário e a saúde judicialização excessiva e falta de efetividade”.

11:00 - Murilo Rebeque- “"Bitcoins": aspectos jurídicos”.

13:00 - Fabiana Guimarães Rezende– “Responsabilidade Civil e o Comércio eletrônico”.

13:30 - Francine Moraes Godoy– “A Mediação no Novo Código de Processo Civil como Método Preferencial de Pacificação dos Conflitos Familiares”.

14:00 - Hiago da Silva Baggio– “A parte paradigmático-filosófico para controle da discricionariedade das decisões judiciais no direito processual civil brasileiro”.

14:30 – Bruna Gomes dos Santos– “A terceirização no serviço público”.

15:00 - Matheus Belló Moraes– “A relação entre o desrespeito à laicidade, a moral cristã e a passividade popular no Brasil”.

Maxwill Estúdio Web